Arrastão em prédio comercial


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 15 de março de 2009

Patrimônio – Arrastão em prédio comercial.

03/03/09

Bando faz arrastão em prédio empresarial – O grupo armado tinha ao menos nove assaltantes, e fez três reféns e ficou duas horas e meia no prédio.

São Paulo(SP) -A quadrilha com ao menos nove assaltantes armados com submetralhadoras, fuzis e pistolas automáticas fez um arrastão quinta-feira à noite no edifício empresarial José Maurício Andreta, na Avenida Mackenzie, na Vila Brandina. O grupo armado fez três reféns e ficou duas horas e meia no prédio. Entre os equipamentos eletrônicos roubados estão 50 computadores, 67 monitores (sendo 62 de 19 polegadas e cinco de 22 polegadas), 30 aparelhos celulares, um GPS, um notebook, uma TV de 42 polegadas e um aparelho de videoconferência. Até à noite desta sexta-feira, nenhum dos bandidos havia sido identificado ou preso.

A invasão começou por volta das 22h30 quando o grupo armado chegou ao edifício. Os assaltantes renderam os vigias L. B. S., de 56 anos, e R. P. O., de 30 anos, e subiram aos 6º e 7º andares, onde fica a empresa Compera Tecnologia, uma provedora de serviços para celular. Lá, renderam o funcionário L. T., de 26 anos. Os três reféns foram amarrados e trancados em uma sala no subsolo.

Segundo investigações iniciais da Polícia Civil, a empresa Simm do Brasil, que trabalha com produtos de tecnologia wireless, também foi assaltada, porém, responsáveis pela empresa que não quiseram se identificar disseram por telefone à reportagem que a companhia não foi roubada. Enquanto saqueavam o prédio, os bandidos travaram os elevadores para evitar ser surpreendidos e para transportar os aparelhos roubados. A quadrilha fugiu por volta da 1h em duas peruas Kombi brancas com as placas encobertas.

De acordo com informações de um funcionário do prédio que pediu para não ser identificado, o edifício, que é vizinho ao local onde o prefeito Antonio da Costa Santos (PT), o Toninho, foi morto em setembro de 2001, não tem esquema de segurança. ‘Está sendo implantando’, disse ele, que afirmou ainda que câmeras filmadoras estão sendo instaladas. Até ontem, havia apenas seis pessoas contratadas como ‘controladores de acesso’.

Fonte: Cosmo On Line

Nota do Emir: Segundo a notícia do Cosmo OnLine, apesar dos riscos e dos sinistros, o condomínio ainda trata a segurança como uma questão secundária e nem tão expressa. É inaceitável que o descaso se instaure. Assim fica fácil para a bandidagem.


Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.