Arrombador é morto por vigilantes


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 18 de agosto de 2006

Uma tentativa de arrombamento terminou em morte, ontem de madrugada, na Capital.
Fabrício Correa Miranda Rodrigues, 32 anos, levou um tiro nas costas, na Avenida Dom Pedro II, bairro Higienópolis, depois de arrombar a gráfica All-Press. O confronto com seguranças, da empresa STV, aconteceu quando ele fugia.
O arrombamento disparou o alarme, e os vigilantes foram acionados.
– Os vigias informaram que comparsas do suspeito atiraram antes – diz o escrivão Nelson de Oliveira.
O tiro que matou o rapaz saiu da arma de um dos seguranças. Ele foi ouvido na Delegacia de Homicídios e Desaparecidos e liberado. – Nesses casos, de legítima defesa, o procedimento é este. Ele responderá por homicídio em liberdade – explica a delegada Patrícia Pacheco.
Segundo a delegada, o suspeito morto tinha antecedentes policiais por furto, roubo, tráfico e ameaça. Ele foi identificado por documentos e também por uma intimação judicial que estava em um dos bolsos da calça. Ele não estava foragido.
A STV não se manifestou.

Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.