Assaltantes trancam advogada em elevador


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 28 de dezembro de 2009

PAVOR NA CAPITAL
Assaltantes trancam advogada em elevador

Uma advogada de 64 anos foi atacada na manhã de ontem por dois assaltantes quando chegava no prédio onde trabalha, na Rua Washington Luiz, centro da Capital.

A dupla a trancou no elevador, com pés e mãos amarrados e uma meia na boca, e fugiu. A mulher conseguiu se soltar e acionou a Brigada Militar. Foi preciso acionar os bombeiros para abrir a porta do elevador. Conforme a vítima, a dupla roubou pouco mais de R$ 70. O caso será investigado pela 1ª Delegacia de Polícia.

Síndica do condomínio, Anete Maria Pinto levava materiais de limpeza para o local. Chegou por volta das 9h, de táxi, e, logo na entrada do prédio, foi abordada pela dupla. Eles a levaram para o elevador e pegaram o dinheiro que ela tinha na carteira, mas não chegaram a levar pertences como celular e joias.

– Só pedi para não fazerem nada de mal comigo. Eles estavam de meia-calça na cabeça, não pude ver os rostos – contou a vítima.

Anete conseguiu desamarrar as mãos e, por celular, avisou parentes e a Brigada Militar. Uma viatura foi ao local, arrombou a porta da frente e, orientados pelos gritos da advogada, chegaram ao quinto andar, onde o elevador estava parado. Nem a vítima, nem os PMs que atenderam a ocorrência souberam explicar como e por que o equipamento travou.

– A princípio, parece que houve uma pane. Íamos arrombar a porta para resgatá-la, mas como a vítima estava calma, acionamos o Corpo de Bombeiros, que tem chave própria para abrir elevadores – explicou o capitão Daniel Marobin do 9º Batalhão de Polícia Militar.


Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.