Autoridades na mira de revólveres


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 8 de agosto de 2008


Autoridades na mira de revólveres

22 de dezembro de 1998 – O Tempra da mulher do vice-governador Vicente Bogo é roubado.

14 de janeiro de 1999 – Três adolescentes rendem dois seguranças do governador Olívio Dutra e levam o Omega oficial.

9 de fevereiro de 2000 – O carro oficial do presidente da Assembléia, Otomar Vivian (PPB), é levado.

13 de dezembro de 2002 – O comandante-geral da BM, Gerson Nunes Pereira, tem o carro roubado.

10 de junho de 2003 – PMs da escolta do vice-governador Antonio Hohlfeldt evitam o roubo do carro oficial matando um ladrão e ferindo outro.

7 de março de 2004 – Ladrões tentam roubar o carro oficial com um segurança do governador Germano Rigotto. Há tiroteio na frente da residência.

29 de junho de 2006 – Dois ladrões roubam o Vectra do comando-geral da Brigada Militar.

2 de dezembro de 2006 – O Passat da governadora Yeda Crusius é roubado.

2 de janeiro de 2007 – O Celta do subcomandante da BM, coronel Paulo Roberto Mendes, é roubado.

4 de janeiro de 2007 – O vice-governador, Paulo Afonso Feijó, é assaltado por três homens no semáforo da Avenida Marechal Andrea, no cruzamento com a Avenida Nilo Peçanha, no bairro Boa Vista. Eles levam o relógio e o telefone celular de Feijó.


Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.