Entrevista com homem que recuperou carro roubado


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 26 de maio de 2009

Polícia | 26/05/2009 | 12h55min

“Me insurgi contra uma situação que está no limite”, diz homem que recuperou carro roubado

Mulher e filha do bancário estavam no veículo Palio atacado pelo criminoso

José Luis Costa | joseluis.costa@zerohora.com.br

O homem que recuperou um carro roubado de um ladrão na noite de segunda-feira em Porto Alegre falou em “indignação” e “inconformidade” para tomar a atitude perigosa de perseguir o criminoso.

— Me insurgi contra uma situação que está no limite — disse o homem, que é bancário e tem 55 anos.

Quem estava no veículo, um Palio azul, eram a mulher e a filha do bancário. As vítimas foram abordadas quando chegavam em casa, na Rua Gomes Carneiro, no bairro Medianeira, às 22h15min de segunda-feira. Elas desceram, o homem tomou a chave e partiu com o automóvel. A seguir, um comparsa armado entrou no carro. Enquanto isso, o bancário, que presenciou o fato, embarcava em sua Eco Sport para perseguir a dupla.

Em uma sinaleira, o caroneiro do Palio desceu. Mais adiante, já na Rua Santa Flora, esquina com a Campos Velho, no bairro Nonoai, o assaltante decidiu abandonar o Palio. O bancário, porém, vinha logo atrás e interceptou o fugitivo. Ao alcançá-lo, acertou um soco no seu rosto. O criminoso, de 24 anos, foi ao chão, grogue. Ele acabou imobilizado e conduzido à delegacia. Foi reconhecido pelas vítimas e não tinha antecedentes criminais.


Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.