Roubo e perseguição deixam vítima e policial feridos em Pelotas


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 18 de fevereiro de 2009

Polícia | 18/02/2009 | 16h38min

Roubo e perseguição deixam vítima e policial feridos em Pelotas

Ladrões invadiram residência e esfaquearam advogado

Fernando Halal | fernando.halal@zerohora.com.br

Uma tentativa de roubo a residência deixou vítima e um policial hospitalizados na madrugada de hoje, em Pelotas.

O advogado Luís Antônio Jesus de Carvalho, 49 anos, teve seu apartamento invadido por dois homens no centro da cidade, por volta de 0h30min. Ele foi esfaqueado três vezes no tórax. Quando a Brigada Militar chegou ao local, a dupla fugiu e teve início uma perseguição pelos telhados das casas vizinhas, na Rua 15 de Novembro.

Gabriel Ribeiro da Rosa, 18, foi preso em flagrante. Em meio ao corre-corre, um dos soldados, Vanderlei Rodrigues Santos, 41 anos, acabou despencando de uma altura de três metros, sofrendo traumatismo craniano e fraturando costela e clavícula. Ele está hospitalizado na UTI da Sociedade Portuguesa de Beneficência de Pelotas, e seu quadro é grave.

O outro suspeito, ainda sem identificação, conseguiu escapar e foi localizado hoje à tarde pela polícia. 

O advogado já teve alta do hospital. Pela manhã, a faca que foi supostamente utilizada para desferir os golpes foi encontrada pelo zelador no telhado do prédio. Segundo a BM, após o episódio, um celular sumiu da residência.


Tags:


Eu quero mais artigos como este!


2 respostas para “Roubo e perseguição deixam vítima e policial feridos em Pelotas”

  1. Anonymous disse:

    obrigado pela divulgação do ocorrido comigo. Infelizmente não tive alta imediatamente como a fonte informou. Passei por uma delicada cirurgia, ficando por mais de um dia na UTI e mais seis dias hospitalizado. Hoje, estou parcialmente recuperado, já em condições de trabalhar, mas ainda impossibilitado de desenvolver atividades esportivas.
    Faço esse esclarecimento para que o devido processo penal tenha o seu desenvolvimento regular com a gravidade que o caso merece. A alta hospitalar imediata, como publicado, poderia amenizar a sansão penal que os responsáveis pela tentativa de latrocínio que sofri deverão sofrer.
    Atenciosamente,

    Luís Antônio Jesus de Carvalho

  2. Prezado senhor Luis Antônio,
    antes de tudo solidarizo-me pelo acontecido e coloco este singelo espaço a sua inteira disposição para que o senhor use-o da melhor forma que entender.

    Espero, sinceramente, que seu restabelecimento seja total e rápido, devolvendo-lhe as condiçõpes de outrora, apesar de saber que as atrocidades cometidas lhe marcarão para o resto de sua vida. Certamente o abalo psicológico será o mais difícilde superar, mas com muito apouio de amigos e da família, tenho convicção que o senhor irá superar as dificuldades.

    Disponibilizo-me inclusive para auxiliar naquilo que estiver ao meu alcance.

    Atenciosamente,

    Emir Pinho
    Consultor de Segurança Privada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.