Saiba como agir ao ter o carro roubado


por Emir Pinho - Consultor de Seguranca - 51 9967 3306 - ID 9214136 em old / 26 de março de 2007

Saiba como agir ao ter o carro roubado
Um roubo a cada dois minutos acontece por dia no Brasil.Dados do boletim de ocorrência ficam disponíveis para as polícias de todo o país.
O aumento do número de roubo de carros é um grave problema no Brasil. Segundo a Secretaria Nacional de Segurança Pública, são mil casos por dia, um a cada dois minutos. São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais são os estados recordistas.
Se o motorista for vítima desse tipo roubo, a primeira providência a ser tomada é ligar para o 190 da Polícia Militar. O serviço de atendimento comunica o desaparecimento do veículo aos patrulheiros nas ruas.
Outra medida importante é fazer o boletim de ocorrência na Delegacia de Furtos e Roubos. Em cidades que não tiverem o serviço especializado a pessoa pode procurar qualquer delegacia.
A vítima deve apresentar os documentos pessoais e do carro. Nos casos em que o certificado de licenciamento também for levado pelos ladrões, basta informar o número da placa do veículo.
Todos os dados do roubo e as características de identificação do veículo, como cor, placa e número de chassi, são lançados num sistema de informações. O programa é interligado a todos os órgãos de segurança do país: Detrans e polícias Civil, Militar e Rodoviária. Durante a fiscalização, os patrulheiros conferem no sistema se os veículos suspeitos parados numa blitz foram roubados.
“Tão importante quanto o cidadão fazer ocorrência no serviço 190 da Polícia Militar ou da Polícia Civil é acionar o 191 da Polícia Rodoviária Federal para repassar os dados do veículo que foi furtado ou roubado”, disse Aristides Junior, policial rodoviário.
Quando o veículo é encontrado, não é permitida a cobrança de taxa de permanência nos depósitos de carros. Mas o dono precisa voltar à delegacia para retirar a queixa do sistema.
E foi o que Emerson Alves fez. Ele recuperou o carro que ficou sumido durante quatro meses e não quer ser confundido com ladrões. “Vou tomar as devidas providências para que eu possa rodar tranqüilamente com meu carro sem ter problemas futuramente”, disse o comprador.
A polícia aconselha nunca deixar o comprovante do licenciamento dentro do carro. Com esse documento em mãos, o criminoso pode transferir o veículo para o nome dele.

Tags:


Eu quero mais artigos como este!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.